• Notícias
  • Educação à distância: entenda como o roteador certo pode favorecer o aprendizado

Educação à distância: entenda como o roteador certo pode favorecer o aprendizado

2022-05-18

Este artigo se aplica:

Nos últimos dois anos, a educação passou por intensas transformações, em especial por conta das restrições trazidas pela recente pandemia de Covid-19. Durante o período de emergência sanitária, os estudantes tiveram de se adaptar a uma nova rotina de aprendizagem, marcada pela transferência da sala de aula para o ambiente doméstico.

No entanto, mesmo após a autorização do retorno às aulas em regime 100% presencial, muitas instituições têm optado pelo chamado “modelo híbrido” de ensino, que combina encontros on-line e presenciais. O fortalecimento dessa modalidade foi comprovado por uma pesquisa recente, realizada pelo Instituto Toluna, a pedido da Rede Globo, cujos resultados mostram que 73% dos jovens acreditam que, muito em breve, o ensino mudará definitivamente para o modelo híbrido.

O Censo de Ensino Superior, divulgado no início de 2022 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), também reforça essa tendência ao apontar que, pela primeira vez na história do Brasil, os cursos de graduação à distância receberam mais novos alunos do que os presenciais, tanto na rede pública quanto na privada.

Os números do Inep se referem ao ano de 2020 e revelam que o aumento do interesse por EAD foi fortemente influenciado pela Covid-19. Entre 2019 e 2020, justamente na transição de anos letivos marcada pelo início da pandemia, o número de estudantes ingressantes na educação à distância aumentou em 26,2%.

Diante desse cenário, fica evidente a necessidade de se investir em equipamentos capazes de atender com eficiência as demandas exigidas pelo ensino remoto. Prova disso são os números obtidos por um estudo do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), em 2021, no qual 35% das famílias entrevistadas relataram falta de acesso à internet ou baixa qualidade de sinal. Além disso, a pesquisa do Instituto Toluna também mostra que, em se tratando de EAD, 46% dos jovens entrevistados têm como principal preocupação a dificuldade de conexão com a internet.

Pensando nisso, a Mercusys, uma das principais fabricantes mundiais de dispositivos de rede, preparou algumas informações e dicas trazidas pelo Gerente de Vendas da marca, Alexandre Nogueira, que destaca a importância de poder contar com um bom roteador na hora de acompanhar as aulas on-line.

De acordo com Nogueira, no caso de um estudante que precisa participar com frequência de videochamadas para acompanhar aulas, apresentar trabalhos e participar remotamente de reuniões com colegas e professores, “a recomendação é adquirir roteadores compatíveis com o padrão Wi-Fi 6 e que operem na frequência 5 GHz, com transmissão de dados acima de 1.000 Mbps e portas Gigabit, que possuem conexões de alta velocidade. Além de sofrer menos interferências do que a faixa 2,4 GHz, a frequência 5GHz possibilita transmissões de dados muito mais rápidas e, portanto, suficientes para suportar demandas como streaming de áudio e vídeo em alta definição”.

Ainda segundo o especialista da Mercusys, o local onde o roteador será instalado também precisa ser analisado com cuidado antes de escolher qual modelo comprar. Afinal, obstáculos como paredes, por exemplo, podem atrapalhar bastante o desempenho na hora da transmissão:

“Em certos ambientes, o sinal pode sofrer tantas perdas causadas por barreiras e interferências que acaba sendo necessário adquirir um repetidor de sinal, ou mesmo um kit com roteadores que atuem em pares, trios, ou mais, a fim de criar diferentes pontos de conexão – os chamados de “nós” –, que amplificarão o sinal do equipamento”, destaca Nogueira.

Em situações como essa, uma boa solução é optar por um roteador equipado com sistema Mesh, ideal para eliminar áreas de sombra e fornecer Wi-Fi ininterrupto em toda a casa: “O sistema Mesh permite que os dispositivos da rede tenham velocidades mais rápidas, maior cobertura e uma conexão mais confiável. Enquanto os roteadores tradicionais transmitem Wi-Fi a partir de um único ponto, os sistemas Wi-Fi Mesh têm vários pontos de acesso”, afirma o especialista.

No entanto, vale ressaltar que, embora esses dispositivos possam, de fato, contribuir para uma melhora da qualidade do sinal e para eliminar eventuais zonas de sombra, em muitos casos, a maneira mais fácil e barata de amenizar o problema é simplesmente mover o roteador já existente para uma posição mais adequada.

Segundo Alexandre Nogueira, a partir do momento em que o usuário percebe que sua cobertura Wi-Fi não é mais suficiente para atender às demandas cotidianas, uma das primeiras atitudes a se tomar é posicionar o roteador próximo ao centro do ambiente onde ele será utilizado:

“Embora, a princípio, o cliente possa imaginar ser necessário recorrer a um novo roteador, ou mesmo a um repetidor, muitas vezes, basta colocar o dispositivo em um local mais centralizado para que, assim, ele possa cobrir mais espaço. Como o sinal Wi-Fi é transmitido em várias direções, não é recomendável deixar o roteador em um canto da casa, correndo o risco de sofrer com uma diminuição significativa da cobertura sem fio”, explica.

Conheça abaixo alguns dos dispositivos da Mercusys que podem te ajudar a tirar o melhor proveito possível das facilidades oferecidas pela educação à distância:

MR70X

(Imagem: Mercusys)

 

Compatível com o padrão Wi-Fi 6, o MR70X atinge velocidades de até 1,8 Gbps (1201 Mbps na banda de 5 GHz e 574 Mbps na banda de 2,4 GHz), o que o torna ideal para atividades diárias mais exigentes como streamings, jogos online e videochamadas. Com os recursos OFDMA e MU-MIMO, o roteador permite a transmissão simultânea de dados de e para vários dispositivos, além de contar com o direcionamento de sinal Wi-Fi para os aparelhos que estão consumindo mais dados, por meio do Beamforming.

Todas essas funcionalidades trabalham em conjunto para melhorar a eficiência da rede em ambientes de alto consumo de internet. Já suas quatro antenas multidirecionais, de alto ganho, garantem conexões estáveis e ampla cobertura.

O MR70X conta ainda com o padrão de segurança WPA3, que fornece proteção Wi-Fi abrangente, com o intuito de garantir mais segurança contra invasões de rede e vazamentos de dados. Outro diferencial do dispositivo está na tecnologia BSS Color, que ajuda a minimizar a interferência de sinais vizinhos para melhorar a eficiência da transmissão, e no Smart Connect, que conecta automaticamente os dispositivos da rede ao canal com mais velocidade.

 

Halo H30G

(Imagem: Mercusys)

 

Disponível em packs com duas ou três unidades, o kit de roteadores Mesh Halo H30G garante cobertura completa para espaços de até 320 m², formando uma rede unificada, que fornece sinal Wi-Fi rápido e estável para todos os cômodos.

Equipado com roaming contínuo, o kit Halo H30G conecta automaticamente os dispositivos da casa à sua unidade mais rápida, proporcionando uma experiência de rede eficiente e poderosa e evitando quedas repentinas de sinal, ou lentidão na conexão, enquanto o usuário transita entre diferentes ambientes. Graças aos seus amplificadores e receptores de sinal projetados, o Halo H30G aumenta significativamente a potência de transmissão, além capturar o sinal com mais rapidez, tornando-o mais forte e ampliando seu alcance.

Cada unidade do H30G conta com Wi-Fi dual-band e oferece velocidades combinadas de até 1,3 Gbps, além de suporte para até 100 dispositivos. Com o recurso MU-MIMO, o sistema de roteadores Halo mantém smartphones, computadores e demais dispositivos inteligentes conectados simultaneamente e operando com desempenho máximo. Já a tecnologia Beamforming é responsável por detectar todos os aparelhos conectados, mesmo os mais distantes ou de baixa potência, e concentrar neles a força do sinal Wi-Fi, a fim de tornar sua conexão mais estável e eficaz.

 

Halo H50G

(Imagem: Mercusys)

 

Ideal para ambientes com diversos cômodos ou andares e alto consumo de internet, o kit de roteadores Mesh Halo H50G conta com duas unidades responsáveis por formarem uma rede Wi-Fi única e que, quando distribuídas estrategicamente pelo espaço, podem cobrir até 350m².

Graças às funcionalidades do roaming contínuo, os usuários conseguem alternar automaticamente a conexão de seus dispositivos entre as unidades do H50G conforme transitam pela casa. Assim, o sistema de roteadores distribui o sinal de internet de forma inteligente e ininterrupta para todos os aparelhos conectados.

Um importante diferencial do Halo H50G está em sua velocidade: com Wi-Fi dual-band de até 1,9 Gbps, as unidades do kit permitem a conexão de mais de 100 dispositivos, como smartphones e notebooks, e ainda contam com três portas Gigabit cada, fazendo uso total da banda larga da operadora contratada ao transferir dados em velocidades até dez vezes mais rápidas que as tradicionais portas Ethernet.

Com a tecnologia MU-MIMO, o sistema Halo permite também a transmissão simultânea de dados entre vários dispositivos, além de contar com o direcionamento de sinal Wi-Fi para aqueles que exigem maior largura de banda, por meio do recurso Beamforming.